Vendas Online: 4 Hábitos do consumidor na internet

Por | 2018-09-24T11:42:19+00:00 4 de novembro de 2017|Mais Vendas, SEO, Social Media|
Vendas Online: 4 Hábitos do consumidor na internet
5 (100%) 1 vote

4 hábitos do consumidor que podem influenciar suas vendas online

Antes de começarmos a falar exatamente dos hábitos do consumidor, vamos falar primeiro o que é um consumidor, o REI de toda internet, aquele que pode colocar suas vendas online para cima ou para baixo.

Consumidor é basicamente aquele que paga uma quantia em dinheiro para consumir os bens e serviços vendidos por uma organização. Ele desempenha um papel extremamente importante na cadeia de demanda e oferta de todo o sistema econômico global. Sem os cliente não haveria porque produzir, pois não haveria demanda por seus serviços.

Tipos de consumidor

Um consumidor não é somente um único indivíduo, ele pode ser também uma organização que compra os bens e serviços da sua empresa para revender.

Podemos definir em três tipos:

  1. Uma pessoa ou uma organização especificamente destinada a vender produtos ou serviços de uma empresa.
  2. Um indivíduo ou uma organização que paga um preço para usar os bens e serviços de uma organização.
  3. Uma pessoa ou uma organização que é o usuário final dos bens e os serviços produzidos por uma empresa.

Tem ainda a opção de ser os três tipos em um único consumidor.

O que é o comportamento do consumidor?

Agora que você entende melhor o que é o consumidor, podemos entender melhor qual o seu comportamento e como podemos usar isso para aumentar as vendas online da sua empresa.

O comportamento do consumidor é um processo fisiológico, tudo está relacionado às emoções do cliente. Neste processo, o consumidor começa com o reconhecimento da necessidade do produto e, em seguida, encontra uma maneira ou um meio de resolver essas necessidades, faz decisões de compras como por exemplo planejar se ele deve comprar ou não comprar um determinado produto, e então ao confirmar a informação, estabelece um plano e, em seguida, implementa o plano de fazer a compra. Já expliquei neste texto como diminuir o tempo do ciclo de compra do seu consumidor e fazer com que ele tome esta decisão mais rapidamente, aumentando assim as vendas online da sua empresa.

4 hábitos do consumidor na internet

Segundo o site Alexa, da Amazon, que faz análise de dados de comportamento do consumidor na internet, os sites mais acessados no Brasil no ano passado foram:

 

Ao analisar esses dados, perceba que um padrão aparece, os sites mais acessados são buscadores, provedores de email, redes sociais e criadores de conteúdo.

Mas como usar isso para aumentar minhas vendas online?

Vamos destrinchar um pouco mais esse padrão para assim definirmos melhor as estratégias que podem ser usadas para chegar no seu público em todos esses canais:

1- Pesquisa nos buscadores

 

Os consumidores sempre vão pesquisar nos buscadores quando precisam resolver uma dor ou buscar um prazer, por exemplo, seu João gostaria de comprar uma TV nova para o quarto, primeiro ele vai no Google pesquisar “TV 32 polegadas” a partir daí ao analisar a primeira página e encontrar o site que direciona corretamente ele para uma compra ele pega o cartão de crédito e finaliza a compra! Simples!

Você agora deve estar se perguntando: Como usar isso para aumentar minhas vendas online?

Simples, primeiro você precisará de um site, ele será a sua casa na internet, (em breve farei um vídeo explicando o porque que não devemos só confiar no Facebook ou Instagram) o seu site também deverá ser bem otimizado para os mecanismos de busca, o que chamamos de Search Engine Otimization (SEO), que é basicamente você mostrar ao Google que seu site contém exatamente o que seu cliente está procurando, lembre-se: não estar na primeira página no Google pode fazer você perder muitas vendas.

Seu site deverá ser rápido e ter também um layout agradável ao consumidor, que deve se adaptar até a tela de celulares e smartphones, já que são hoje o grande meio que os consumidores utilizam para acessar a internet. Cuide da velocidade do seu site, pois quanto melhor a experiência do seu cliente maior a chance de venda.

Após a criação de um site, você pode investir também no Google Adwords, que é um programa de publicidade online da Google através do qual se podem apresentar anúncios nas suas várias plataformas, não somente nas pesquisas, é um excelente investimento pois pode gerar ainda mais tráfego para seu site, consequentemente gerar mais vendas online para seu negócio.

Resumindo: Para conseguir vender através do Google, você precisará de um site rápido e otimizado e logo depois investir também no google Adwords para gerar mais tráfego para seu site.

2- Leitura emails

 

Vamos agora para o segundo comportamento mais comum do consumidor, que é a leitura de emails, dependendo do nicho, alguns clientes chegam a abrir a caixa de entrada de emails pelo menos uma vez por dia, e você pode usar isso a favor das suas vendas online.

Uma certa vez ouvi que você não utilizar sua base de emails é você deixar dinheiro na mesa quando poderia ir para o se bolso!

Para ter resultados usando este comportamento do consumidor crie uma campanha de email marketing (de preferencia automatizada), e envie para a sua base de emails, tenho absoluta certeza que se for feita da maneira correta os resultados virão na mesma velocidade.

Envie emails para os aniversariantes oferecendo um cupom de desconto ou uma  versão trial do seu produto/serviço, mande novidades do seu site, as novas coleções, últimas tendências, enfim, avise aos seus consumidores que tem novidades no seu site.

Mas não vá enviar para quem não é da sua base e NÃO solicitou que você mandasse emails certo? Pois isso caracteriza-se como SPAM, prejudicando os seus próximos envios e diminuindo o alcance da sua empresa nas caixas de entrada de emails dos consumidores.

Resumindo: Use a base de emails que você tem e envie novidades, cupons e ofertas para seus clientes, calcule depois qual a porcentagem dos emails efetivamente compraram para assim ter como ir melhorando a cada nova campanha.

3- Presença em Redes sociais

 

Quem você conhece que não está em uma rede social hoje? Poucas pessoas não é verdade, hoje já são mais de 2 bilhões de usuários somente no Facebook, sua empresa está em alguma delas? Se a resposta para esta pergunta for não, verifique hoje mesmo o perfil do seu público e entre na rede social mais comum para seu consumidor.

Um erro que muitas empresas cometem é de sair vendendo na rede social, mas ninguém entra na rede social para comprar, as pessoas entram no Facebook por exemplo para saber das novidades dos seus amigos e parentes ou simplesmente para ver fotos de gatinhos subindo pela timeline.

Uma maneira correta de utilizar a rede social para negócio é você divulgar conteúdos que possam entreter ou ensinar algo aos seus clientes, por exemplo, vamos imaginar que sua empresa vende um determinado iogurte, em suas redes sociais terão divulgações de formas de consumir o seu iogurte ou simplesmente o porque que beber iogurte faz bem para o corpo.

Entendeu a jogada? Com a divulgação de textos deste tipo sua empresa consegue gerar mais valor para seu produto perante o consumidor, mostrando a ele o quanto é importante consumir aquilo que você vende sem necessariamente “jogar na tela” uma oferta.

Não significa que você não deve de maneira nenhuma postar uma oferta em redes sociais, mas deve fazer com bastante cuidado para não passar a imagem de que sua empresa é somente um “panfleteiro virtual”.

Resumindo: Crie uma página na rede social mais comum do seu público e passe a divulgar conteúdos relevantes e que vão resolver pequenas dúvidas que seu consumidor possui. Comece a usar esta estratégia e você verá um aumento positivo nas suas vendas online.

4- Leitura de conteúdo

Pare para pensar, todos os dias você visita algum portal ou site de notícias para se informar de algo, (como por exemplo este site ;))

Você pode aproveitar isso para criar conteúdos relevantes para seu público e divulga-los através das redes sociais, crie conteúdos que sejam agradáveis para o seu cliente, seja através de vídeos, textos, áudios, podcasts, enfim, encontre uma forma de passar a mensagem da sua empresa para seus clientes.

Crie conteúdos que prendam seu leitor/ouvinte e que o cativem a continuar seguindo a sua empresa, tenho certeza que você verá um aumento nas suas vendas online utilizando esta tática.

Resumindo: Crie um conteúdo que resolva uma dúvida do seu consumidor ou que o ensine a usar seu produto, utilize o formato que engaje melhor o seu cliente.

Bônus: Ferramentas para análise de comportamento

Vou deixar aqui para você 4 ferramentas que sua empresa pode usar para verificar o comportamento do seu usuário na internet:

Google analytics
Um dos sistemas de análise e monitoramento mais populares do mundo, serve para acompanhar a audiência de sites, campanhas de marketing, fontes de tráfego e índices de conversão de vendas. Para acessá-lo, basta ter uma conta no Google.

Zubit
Além das funções básicas de monitoramento e publicação de conteúdo, traz um painel com os sentimentos — positivos e negativos — de seguidores e formadores de opinião, sobre uma marca.

Buzzmonitor
Dese nvolvido pela E.Life, faz varreduras na internet e relatórios comparando dados com a concorrência. Também oferece uma plataforma de atendimento unificada para diversos perfis e contas de e-mail.

Scup
A ferramenta permite identificar os seus seguidores mais influentes e acompanhar o que eles falam da empresa em até 15 redes sociais. Também faz pesquisas de opinião com até 100 mil seguidores.

Aproveite agora e comece a implementar estas estratégias para seu negócio, quer uma análise gratuita da presença online da sua empresa? Clique aqui e preencha o formulário que entrarei em contato rapidamente com uma estratégia que você pode usar para aumentar as vendas online da sua empresa.

Teve alguma dúvida, quer acrescentar algo ao texto, quer contar a sua experiência? Comente aí abaixo que terei o maior prazer em te responder.

 

Sobre o autor:

Consultor SEO e Marketing Digital, especialista em vendas Online, formado em Administração de Empresas e com o principal foco de desenvolver e aprimorar técnicas que façam com que pequenas e médias empresas possam vender pela internet de modo mais previsível e lucrativo.

Leave A Comment